Business2Gether

Remessa internacional: Veja como enviar dinheiro ao exterior com segurança e economia

Imagem de um homem no computador, realizando uma transação financeira, ilustrando como fazer uma remessa internacional

Remessa internacional é uma transação financeira que consiste em enviar dinheiro do Brasil para uma conta no exterior, ou receber depósitos vindos de outros países. Para realizar a transferência com segurança e economia, é necessário fazer uma operação de câmbio e seguir alguns passos simples

Se você ou sua empresa precisa realizar uma remessa internacional e quer saber como enviar dinheiro ao exterior com economia e segurança, continue a leitura. Neste artigo, vou explicar tudo sobre o assunto, desde como fazer a transação até quanto ela custa e demora para ser compensada.

Trabalho com transferências internacionais há mais de 15 anos e, antes de fundar a B2Gether, atuei em algumas das maiores instituições de câmbio do Brasil e do mundo.

A intenção deste guia é usar a minha experiência para te ajudar a entender o tema e fazer remessas de uma forma segura, rápida e econômica. Vem comigo e ótima leitura!

Sumário

O que é remessa internacional?

Remessa internacional é uma transação financeira que consiste em enviar dinheiro do Brasil para uma conta no exterior, ou receber depósitos vindos de outros países. Esse processo é realizado por meio de uma operação de câmbio que pode envolver tanto pessoas físicas quanto pessoas jurídicas (empresa).

As transferências internacionais são necessárias para liquidar fretes, pagar e receber por produtos ou serviços importados e exportados, manter residentes no exterior, contratar a licença de softwares, comprar cursos estrangeiros, receber salários de uma empresa de outro país, fazer investimentos lá fora, entre outros objetivos.

Mas vamos aos exemplos concretos pra reforçar a compreensão: imagine que sua empresa precise contratar o serviço de um fornecedor dos Estados Unidos, cujo pagamento será feito em dólar. Para liquidar o compromisso, é necessário fazer uma remessa internacional.

A mesma ilustração vale para uma pessoa que deseja enviar euro para um familiar que está fora do país. Para mandar os recursos, será preciso realizar uma transferência internacional.

Quer outro exemplo? Seu youtuber favorito, que ganha dinheiro em dólar do YouTube, recebe uma remessa para ver o dinheiro na sua conta.

Como fazer uma remessa internacional? Passo a passo!

Para fazer uma remessa internacional, primeiro é preciso contratar uma instituição financeira autorizada pelo Banco Central a realizar operações de câmbio no Brasil. Depois, é necessário seguir algumas etapas que variam entre empresas e pessoas físicas. Veja a seguir!

Remessas internacionais para empresas

No caso das empresas, os passos para fazer uma remessa internacional são os seguintes:

  • Passo 1: Procurar uma instituição financeira autorizada pelo Banco Central e realizar o cadastro (pode ser um banco, uma corretora de câmbio, um correspondente ou uma empresa especializada em intermediação cambial, como a B2Gether. Pra fazer uma remessa agora, fale conosco).
  • Passo 2: Para fazer o cadastro, é necessário encaminhar os documentos relacionados à transferência, como contrato social, cartão CNPJ, faturamento, documento relativo ao tipo de remessa (como invoice, contrato de compra e venda ou de prestação de serviços etc.), além de outros que sejam necessários para comprovar a regularidade da empresa;
  • Passo 3: Após o processamento do cadastro e com a autorização para fazer a operação, basta enviar o comprovante da transferência de compra ou venda do serviço ou produto, o contrato com o parceiro comercial e outros documentos necessários para garantir a legalidade da transação.

Mas atenção! A documentação exigida para efetivar a operação pode variar de acordo com cada país. Além disso, todas as informações são avaliadas previamente pelo banco responsável pela operação.

Se tudo for aprovado, o fechamento do câmbio é consolidado e o pagamento ocorre em até dois dias úteis (o prazo pode variar) e o valor da conversão das moedas envolvidas é o mesmo negociado no momento do acordo.

Remessas internacionais para pessoas físicas

Já no caso das pessoas físicas, é preciso seguir esses passos para fazer uma remessa internacional:

  • Passo 1: Procure uma instituição financeira habilitada para realizar remessas internacionais, como bancos, corretoras de câmbio etc. Com a B2Gether, por exemplo, basta entrar em contato com nosso time de analistas e passar as informações;
  • Passo 2: Acesse o serviço da instituição e siga as instruções (escolher a ordem de transferência, informar os dados bancários e adicionar o valor). Na B2Gether, esse processo é simplificado e conduzido pelos nossos analistas, que ficam responsáveis por todas as etapas.
  • Passo 3: Revise sempre as informações antes de fechar a operação.

Informação importante: as formas de fazer remessa internacional variam de acordo com as instituições financeiras e podem conter algumas especificidades. Mas, no geral, os passos são simples e seguem essa lógica operacional que apresentei.

Quanto custa para enviar dinheiro ao exterior?

Geralmente, o valor para fazer transferências internacionais, além da quantia que você deseja enviar, envolve taxas administrativas e a taxa Swift, bem como tributos a exemplo do IR (Imposto de Renda) e do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), que mudam conforme as características de cada operação.

Veja os custos que podem incidir sobre uma remessa internacional!
  • Taxa administrativa: mais conhecida como spread, trata-se de um valor que representa a diferença entre o que a instituição financeira paga pela moeda estrangeira na hora da compra e recebe no momento da venda;
  • Taxa Swift: nada mais é do que o custo indexado às transferências internacionais. Ela é cobrada para o uso do sistema interbancário global Swift e o valor varia conforme as instituições;
  • IR: a depender da finalidade da transação internacional, há cobrança de valor referente ao Imposto de Renda, tanto para pessoas físicas (IRPF) quanto jurídicas (IRPJ);
  • IOF: esse imposto federal incide sobre várias transações financeiras, incluindo as remessas internacionais, cuja alíquota é de 0,38% sobre contas de titularidades distintas e 1,1% para contas do mesmo titular.
Para saber o quanto realmente vai custar sua operação, é preciso consultar o Valor Efetivo Total (VET) junto à sua instituição financeira escolhida.

Qual é o limite para enviar recursos para fora do Brasil?

O limite para fazer transferências internacionais muda de acordo com o tipo de remessa escolhida. Até US$ 3 mil (cerca de R$ 15,4 mil na cotação atual), a movimentação é classificada como baixa pelo Banco Central (BC).

Caso você ou sua empresa necessite fazer remessas com valores maiores do que esse limite, será preciso apresentar o Imposto de Renda, que será utilizado para basear o seu limite.

Quanto tempo leva para concluir uma transferência internacional?

Em média, o tempo para a compensação da remessa internacional é de até dois dias úteis, mas pode variar conforme a finalidade da operação, a instituição responsável pela transferência e os valores envolvidos.

Por exemplo, uma remessa para manutenção de residentes no exterior tende a ser muito mais rápida do que uma operação envolvendo importação de um volumoso lote de produtos de um fornecedor estrangeiro, que demanda uma série de documentos para comprovar a legalidade e a capacidade financeira da empresa compradora.

Ou seja, é preciso considerar caso a caso. Para serviço de importação e exportação, o prazo pode ser X, enquanto que para um influenciador digital que precisa receber seus pagamentos de monetização do YouTube (AdSense), o prazo pode ser Y.

Faça sua remessa internacional com a B2Gether!

Fazer remessas internacionais passou a ser uma operação muito mais simples e acessível do que no passado. Mas ainda assim, para garantir o máximo de segurança, agilidade e economia vale a pena contar o com o suporte de uma empresa especializada, como é o caso da B2Gether.

Temos um time de especialistas pronto para atender você e realizar a sua remessa. Pra que gastar tempo e energia com isso se você pode contar com um parceiro para fazer pra você, não é mesmo?

Atendemos também empresas que oferecem serviços de eFX (pagamentos e transferências internacionais), como facilitadoras de pagamentos e remessadoras, utilizando soluções de Mass Payments

Se você quer fazer uma remessa com a B2Gether, conseguir a melhor cotação e garantir a segurança do seu dinheiro, preencha o formulário abaixo e receba o contato de um dos nossos consultores.

Compartilhe este Conteúdo

Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Janaina Assis

Janaina Assis

Janaina Assis é sócia-fundadora e CEO da B2Gether, empresa especializada em operações de câmbio e pagamentos em massa. Com mais de 15 de anos no mercado de câmbio, ela desenvolveu uma sólida carreira na área, passando pelas maiores instituições de câmbio do Brasil e atuando com soluções cambiais para empresas e pessoas.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir Whatsapp
1
Fale com um Especialista
Scan the code
Especialista B2Gether
Olá
Como podemos te ajudar?